BLOG

Qual o papel do enfermeiro no Centro de Material e Esterilização?

| |

Quem trabalha na área hospitalar certamente já ouviu falar sobre o CME. O que poucos sabem é que o enfermeiro desempenha um papel muito importante nele.

Aqui, você descobre o que é CME e qual a relevância do profissional de enfermagem para esse setor. Acompanhe e saiba todos os detalhes sobre esse assunto!

Imagem de um enfermeiro manipulando instrumentos cirurgicos

CME: o que é?

Trata-se do Centro de Materiais e Esterilização, que é um setor onde ocorre o processamento especializado de artigos médico-hospitalares utilizados em ambientes de atendimento de saúde.

Tais artigos podem ser classificados em três diferentes categorias, sendo uma delas a de não críticos. Neste caso estão artigos que entram em contato com a pele íntegra do paciente.

Outra categoria é a de artigos semicríticos, que são aqueles que entram em contato com a pele não intacta do paciente ou com mucosas íntegras. A terceira e última categoria é a de artigos médico-hospitalares críticos.

Nesta última estão artigos que entram em contato com tecidos estéreis ou com o sistema vascular e precisam ser esterilizados para utilização no paciente.

 

O que o enfermeiro faz no CME?

O profissional de enfermagem tem um papel muito importante no CME, respondendo por medidas de controle e prevenção de infecções acidentais relacionadas ao atendimento médico e cirurgias.

Para realizar essas funções de CME, o enfermeiro deve ter conhecimentos específicos sobre descarte de dejetos e higienização de equipamentos, artigos e instrumental cirúrgico. Além disso, também deve saber como processá-los de forma adequada.

 

Principais atividades do enfermeiro no CME

O enfermeiro que atua no CME normalmente realiza procedimentos específicos para minimizar a possibilidade de infecção por acidente. Conheça, a seguir, quais são os principais da área:

 

Supervisão

O profissional é responsável por supervisionar as atividades realizadas em cada uma das etapas do CME. O intuito é garantir que todas as tarefas sejam realizadas com qualidade e de acordo com padrões do hospital. Além disso, também assegura o bom andamento das ações e do atendimento na unidade.

Na atividade de supervisão, o profissional também pode avaliar a estrutura física do CME e analisar rotinas da área, verificar a vida útil de equipamentos e levantar dados sobre o domínio técnico da equipe.

Pode, ainda, implementar e acompanhar indicadores biológicos, químicos e de eficiência do serviço, assim como levantar não conformidades relacionadas à área e propor soluções para elas.

 

Planejamento

O enfermeiro também atua no planejamento de atividades de CME para assegurar o processamento adequado dos artigos, equipamentos e instrumentais cirúrgicos.

O profissional pode realizar planejamentos de treinamentos da equipe para garantir que todos conheçam as rotinas e que sejam executadas com excelência, de acordo com boas práticas.

 

Garantia do uso de EPI

Uma das principais responsabilidades do enfermeiro é garantir que todos os profissionais de CME usem EPIs, que são os Equipamentos de Proteção Individual.

Tais equipamentos contribuem para evitar a contaminação em situações de exposição a artigos médico-hospitalares com fluidos corporais e sangue do paciente.

Existem vários EPIs e cada um deles tem uma função específica de proteção. Entre eles, destaque para a máscara, luva e jaleco, que evitam o contato da pele e mucosa com substâncias com alto poder contaminação.

Além da prevenção da equipe, também se tem como foco a prevenção de contaminação de artigos que já passaram pela desinfecção ou esterilização.

 

Promoção da interação entre áreas de CME

Outra responsabilidade do enfermeiro é a promoção da interação entre áreas de CME, que são a de expurgo, preparo e montagem do material.

O expurgo é responsável por receber e armazenar artigos que não passaram por processamento algum, devendo ser mantidos em um local adequado e isolado de áreas limpas.

No preparo ocorre o acondicionamento dos artigos em invólucros específicos e caixas que serão encaminhadas para desinfecção ou esterilização. Já na montagem há a separação dos itens processados aos setores solicitantes, formando kits.

O enfermeiro trabalha para garantir a interação entre essas áreas, monitorando a jornada e realização das tarefas para evitar atrasos que possam comprometer o fluxo do atendimento hospitalar.

 

– Leia também:
>>> A Importância do Expurgo Hospitalar

 

Avaliação e garantia da qualidade da rotina

Os processos de avaliação e garantia da qualidade da rotina de CME são atividades importantes do enfermeiro que atua na área. Sua finalidade é assegurar bons indicadores, com risco mínimo de contaminação.

Isso impacta diretamente na segurança do atendimento ao paciente, visando assegurar a máxima qualidade na assistência prestada. Paralelamente, também reduz o risco de contaminação de integrantes da equipe que manuseiam os artigos.

 

Equipamentos hospitalares CME

Ter um CME próprio faz a diferença no atendimento hospitalar! Para montar o seu, basta investir em equipamentos hospitalares CME! O lavatório em aço inox é um dos mais comuns, bem como a mesa de manipulação CME. Há, ainda, alternativas como o armário vitrine em inox, além do lava-mãos e expurgo para CME.

Quando confeccionados com aço inox, estes equipamentos possuem maior vida útil e são mais seguros, contribuindo para ter bons indicadores de qualidade e menor risco de contaminação.

Isso se deve ao fato de o aço inoxidável ter uma superfície mais lisa, com baixo nível de rugosidade. Por isso, microrganismos não ficam sobre o metal após desinfecções e esterilizações, sendo seguro para o paciente e equipe hospitalar.

 

Onde comprar equipamentos hospitalares em aço inox?

Imagem produtos em aço inox

Equipamentos hospitalares em aço inoxidável de alta qualidade é com a Sica Inox! A empresa é referência e líder de mercado na América do Sul em equipamentos de aço inox, destacando-se pela excelência de seus produtos.

A Sica Inox confecciona equipamentos usando a melhor tecnologia do mercado, com cortes a laser e dobragem CNC. Como resultado, os produtos possuem acabamento perfeito e qualidade superior.

A empresa investe em máquinas e processo modernos e precisos, aperfeiçoando continuamente seus processos de produção e colaboradores. Tudo isso possibilita garantir equipamentos impecáveis, que dão suporte na rotina hospitalar, são seguros e duráveis.

Entre os principais, destaque para a mesa de manipulação em aço inox, lava-mãos hospitalar, expurgo e seus complementos como o sifão para expurgo e o cone para expurgo.

Aproveite para entrar em contato com a equipe Sica Inox para conhecer detalhes sobre equipamentos hospitalares em aço inoxidável, inclusive para garantir artigos de alta confiabilidade para atendimento a pacientes de modo seguro.

 

– Leia também:
>>> Principais objetos em inox para ambientes estéreis

>>> Qual a importância do aço inox para ambiente estéril?

Deixe seu Comentário
Deixe seu Comentário